Momento íntimo: Desmamar , será?

Oi gente, venho contar ou melhor desabafar...

Quando fiquei grávida logo pensei sobre a amamentação e sua importância! Já pensava que com certeza eu seria uma daquelas que daria o peito até os dois anos!
Sempre achei lindo o bebê ser alimentado pela sua mãe, aquela imagem perfeita de que tudo está no leite , pesquisei o que podia ou não comer, super interessada no assunto e tal.
Quando ela nasceu tinha a idéia fixa de que até o 6 meses seria o leite exclusivo, seguiu assim, nem água, nem chá, somente meu peito, mas tb não podia sair pra muito longe pois ela não pegou mamadeira com o leite materno, foram os 6 meses assim só eu bastava pra ela.
Não me arrependo disso nem um pouco, se tivesse 10 filhos, os 10 seriam amamentados do mesmo jeito.
Hoje ela está com quase dois ano e meio e ainda mama no peito, gostaria muito que por vontade dela , não quisesse mais, só que não é bem assim, já tentei distraí-la , dar outra coisa no lugar , ficar fora, conversei, a pediatra tb com ela e nada.
Me desculpem mas esses métodos de passar algo (pimenta, esparadrapo e tal) não concordo não!! Puxa ter leite no peito e recusar, me sinto recusando água pra um sedento!!
fora que li :
"O mais cruel e nocivo dos desmames abruptos é aquele que faz com que a criança prove no seio da mãe algo ácido, azedo ou amargo, especialmente quando isso é associado a uma visão terrível (seios pintados, com band-aid etc) do seio, objeto que até então só trazia prazer e que aparece repentinamente como algo assustador.

Esses sentimentos e impressões ficam inscritos no córtex para o resto da vida, a confusão entre prazer e desprazer ficará gravada e um dos sintomas mais comuns será a inabilidade da pessoa para acreditar que merece prazer e que ele pode ser algo perene, confiável. Perdurará a impressão de que o prazer pode a qualquer momento virar uma ameaça. Nos piores casos a pessoa não consegue buscar o prazer, já caminha diretamente para a punição."

Queria muito desmamar mas tb li assim :" Mas, não temos só você em vista e para sua pequena, mamar é sempre uma felicidade. Lembre todos os dias de como é fabuloso de te-la nos seus braços, querendo você, sendo supremamente alimentada por voce, consolada por voce, alias, um momento de voces duas que em breve, nao existirá mais. Nenhum outro momento terá tanta proximidade, em nenhuma outra fase, em nenhuma outra circunstancia.

Nao te digo isso para te fazer ficar com um peso no coração mas para se sentir livre de sentir o que voce sente e usar como antidoto, a certeza de que esses dias te farão falta e que devem ser apreciados.

Quanto a dormir, depois que se é mãe, não se dorme mais como antes de sê-lo. agora, o peito, amanha, um dodoi, depois a adolescente que sai e não tem hora de voltar. E depois, a filha que esta longe de casa, o neto que nasceu, .... ciclico."


Até me emocionei muito, me questionei muito tb, continuo sem saber o que fazer!
Pra mim a única coisa que eu quero que isso seja feito sem ser doloroso pra nós duas!! Quero desmamar sim, mas que fazer então?


_________________________________________________________________________
UPDATE : Como desmamei a Iris! Consegui!! bit.ly/iQbQDg

15 comentários:

Eu adoro a ideia da amamentação e deixe leite materno exclusivo ate seis meses!
li muito sobre o asssunto e vi qnto maior a criança for, maior o sofrimento e pior é para desmamar! Por isso desmamei a minha filha que hoje tem 2 anos e meio tbm aos 7 meses exatos e ela num sentiu nada!
O medico já havia me dito que não teria importancia desmama la pois ate 6 meses era o essencial depois disso num tinha muita importancia! Eu dava mamadeira com elite do meu seio e ela nem percebeu a transição!
Agora vc amiga que já acostumou ela até hj num vai ser facil e terá que ser lento, lento!

Um bjo e Boa Sorte!

Olá!
Quero deixar claro que o que escreverei abaixo foi o que serviu pra mim. Não sei se é o certo, mas comigo funcionou...
O meu filho mamou até quase os dois anos completos... Quando ele estava nessa fase, cuidei muito da água, do suco, do iogurte, das comidas na hora certa e dos lanchinhos idem. Ou seja: eu não dava brecha pra fome! Sendo assim, meu peito não serviria de alimento, já que de comida ele estava bem abastecido.
Só sobrava então o peito como carinho, como chupeta para as horas que ele queria ver tv, adormecer ou simplesmente chupetar.
Comecei a explicar que a mamãe não tinha mais leitinho... Que quando ele chupava, fazia dodói na mamãe e que a mamãe ficava triste com a dor.
Que a mamãe dava beijinho, carinho, deitava com ele pra ele dormir, ver tv, o que fosse, mas que o mamá da mamae não podia mais.
Te juro! Ele pediu uma, pediu duas, pediu tres...
Hoje eu perguntei se ele lembrava quando tomava tetê na mamãe... Ele apontou pro peito, deu um sorriso e continuou a brincar. Ele está com 2 anos e 5 meses.
Somos nós que fazemos o trauma! Nós é que nao queremos cortar o unico restinho de cordão que falta...
Trate-a como uma menininha e não como um bebê. Explique o que é dodoi, que o mamá não tem mais leitinho (mesmo que tenha!)
Eu acho que chega uma hora que a gente precisa entender que somos nós as dependentes e não eles!
Enfim, como disse, é o que penso, é o que serviu pra mim.
E coincidentemente hoje, pelo sorriso dele quando perguntei se ele lembrava qdo tomava tetê na mamãe, vi que tudo ficou bem resolvido.

Um beijo pra vcs

oi querida...não tenho filhos masi este dilema é comum de todas as mammys que conheço. O desmame é algo muito sofrido...

oi natalie querida! tive que vir aqui comentar seu post.
O meu bb, o lucca, acabou de fazer 1 aninho e eu tbm continuo amamentando. Sinto a msm coisa que vc, vontade de parar de amamentar pq é cansativo ne? prende muito a gente, mas é como vc disse, é como negar agua a um sedento. Ele me puxa, puxa minha blusa, só dorme no seio.
E pra mim, eu gosto desse carinho, de ele estar pertinho de mim, mas quero parar, to cansada!rs
Tbm nao sei como fazer, to dando mamadeira de leite durante o dia, mas ele bebe muito pouco, come bem mas continua mamando pelo menos umas 3 ou 4 vezes no dia. Juro que nao sie oq fazer, tenho a maior dó de nao dar, ele chora demais. aff
ser mae é muito dificil! espero que alguem ensine oq fazer, ou pelo menos nos de uma luz!
beijos q boa sorte com sua gatinha!
bru

Natalie, que linda a sua filhota!
Eu também estou pensando muuuuito nesse assunto. Estou grávida, 6 meses de gestação, e fico pensando que em breve terei minha fofinha aqui nos braços, mamando. Também pretendo fazer a amamentação exclusiva até os 6 meses de idade dela, mas depois disso tudo pode acontecer. Que tal se você procurar, de repente, uma psico-terapeuta?! Muitas vezes, o laço inconsciente é mais forte e é ele quem nos impede de termos pulso firme frente às questões como essa.

(esse lance de nunca mais ter um momento tão íntimo com nossas filhotas é realmente algo doloroso, né? já me dá aperto no coração saber que tudo passa) rs.

Boa sorte, lindona!

Beijos e sucesso!

Rita

Puxa NAtalie, eu não tive o prazer de amamentar o Lorenzo, ele nasceu muito pequeninho e não tinha força para sugar, e eu não sabia que ele não estava sugando corretamente, (mãe de primeira viagem), o leite foi se escassando e não deu, mesmo porque ele foi pra hospital e começou a mamar na mamadeira pra poder recompor as forças. Mas imagino como deve ser duro o desmame, e isso que li aí em cima sobre colocar coisas nos seios e tal, Deus do Céu... olha, só posso dizer que uma hora vai ser a hora dela parar, e a conversa é o melhor mesmo.

Beijos

Se eu fosse mãe, acho que também não sei o que eu faria!

beijo e boa sorte!

Infelizmente eu não pude viver esse momento só meu e dela....meu leite secou com ela tendo menos de um mês de vida...e meu sonho era que pudesse amamentar por mto tempo....
Ela se alimenta normalmente com frutas..legumes...verduras ou se alimenta mal?
Se ela se alimenta mal continue com o leite materno....ele vai fzr complemento do que ela não comeu......
Bjosssss

Oi Natalie, td bem??? Então, passei aqui pq lembrei desse post seu... Na época que eu comentei aqui eu estava com 6 meses de gestação. Agora a minha Luísa está com 1 mês e 1 semana de idade... Mama que é uma maravilha!!! Aliás, tem dias que eu até exagero no tempo da mamada dela pq adooooro o momento de amamentação!
Mas essa semana tá acontecendo uma coisa engraçada... To percebendo que estou com um seio muuuito mais cheio que o outro. Tipo, bem mais cheio mesmo! Parece até q sou "monoteta" hehehehe... O seio menos cheio nao parou de produzir, pelo contrário. Ele tem leite e ela adooora ficar nele pq fica mais fácil pra ela ficar "cupetando". Sempre ofereço o seio menor primeiro e mais vezes, para estimular a produção... Mas mesmo assim, ainda nao consegui deixar ele cheião, como estava. Me incomoda essa coisa de ter um seio (muito) maior que o outro. Aconteceu algo assim com vc também?? To morrendo de medo do leite começar a secar assim, tão cedo.
Bjs e desde já, obrigadíssima!!!

Oi natalie,eu adorei amamentar meu filho,ele tem um ano e sete meses agora rersolvi desmamar ele,mas comecei assim tirei durante o dia e continuei as mamadas pra ele dormir pra ele não sofrer muito falava que estava dodói,depois comecei tirar a da noite ai ele foi se acostumando,faz duas semanas que ele não mama mais mas ele passa a mãozinha dele com carinha qe kd o meu mama ai eu falo que ta dodói ai ele vai brincar,mas axo quem ta sentindo mais falto sou eu...daquela mãozinha dando carinho...estou com um lado do seio muito duro e dolorido não sei o que fazer? beijinhos e abraços , Jurema lima e Enzo.

Ju eu consegui desmamar a filha , ate contei num outro post, eu fui falando pra ela que o mama ia acabar e um dia acabou, sabe como ea historia do gato no telhado ne?
sobre o peito eu fui tirando na hora do banho um pouco, massageando , mas nao estimulando sabe? ate o dia que nao doia mais, demorou 4 meses pra secar totalmente, outro dia ela quis mamar , dei o peito e ela viu que nao tinha mais nada!!
estamos curada e fiz minha parte, confesso ter saudade desse aconchego, ela diz: mamae nao sou bebe sou crianca!!
ai que saudadeeee
bjsss

Olá blogueiro,

Dê ao seu filho o que há de melhor. Amamente!

Quando uma mulher fica grávida, ela e todos que estão à sua volta devem se preparar pra oferecer o que há de melhor para o bebê: o leite materno.

O leite materno é o único alimento que o bebê precisa, até os seis meses. Só depois se deve começar a variar a alimentação.

A amamentação pode durar até os dois anos ou mais.



Caso se interesse na divulgação de materiais e informações sobre esse tema, entre em contato com comunicacao@saude.gov.br

Obrigado pela colaboração!

Ministério da Saúde

A menina é muito linda. O nenê também é muito fofo. Que linda família! Parabéns! Bjos Celinha

puxa. bom ler tudo isso e os comentarios. daqui uns 6 meses, sou eu!
depois conta se ocnseguiu, e como foi, ta?
=*

Postar um comentário

Saindo sem comentar,que que isso , sou só ouvidos!!
Para divulgar sorteios, blogs e promos é só clicar em PROMOÇÕES!
Para ter respostas mais "rápidezzz" ou se for urgentaço, podem nos encontrar no (TWITTER) @CoisasdeNatalie e @Hestiazinha.
Mas saibam que adoramos os recadinhos.
Vocês são de casa, pode falar sem cerimônia!
Fique à vontade. Obrigada.Beijokinhasss

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Powered by Coisas de Natalie | Proibida reprodução total ou parcial.